Portal Cristais

CULTURA E TURISMO

Cidades da Região

Filhos de Cristais

Copasa diz que pelo menos 11 cidades estão em situação de escassez. Defesa Civil de Minas colocou 26 localidades em estado de emergência.
Pelo menos 11 cidades do Sul de Minas atendidas pela Companhia de Saneamento Básico de Minas Gerais (Copasa) estão sob risco de sofrerem um colapso no abastecimento de água. O levantamento foi divulgado pela concessionária nesta sexta-feira (23), um dia depois de admitir que o Estado vive uma crise hídrica, e medidas de restrição de consumo podem ser tomadas. Já a Coordenadoria de Defesa Civil de Minas Gerais informou que 26 municípios da região estão em estado de emergência e já adotam medidas de economia para evitar uma crise no abastecimento de água. O Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio Sapucaí apontou ainda outras três cidades com necessidade de intervenção imediata para evitar uma crise.

    Segundo a Copasa, o risco de colapso indica que o sistema não tem mais condições de manter o abastecimento. Algumas manobras devem ser implementadas nos próximos dias para construir captações emergenciais.
    As cidades atendidas pela companhia que estão em alerta máximo de desabastecimento na região são Campanha(MG), Campos Gerais (MG), Candeias (MG),Cristais (MG), Itamonte (MG), Lavras (MG),São José da Barra (MG) e São Tiago (MG).
    São Gonçalo do Sapucaí (MG), Nazareno (MG) e Divisa Nova (MG) são apontadas pela Copasa como locais com problemas de abastecimento. Nesses municípios a captação já ultrapassou o limite do manancial.
    O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Sapucaí também divulgou um comunicado urgente em sua página na internet neste sábado (24) informando que, no trecho abrangido pela bacia, as cidades de Cachoeira de Minas (MG), Piranguçu (MG) e Piranguinho (MG) integram a lista dos locais onde há necessidade de intervenções imediatas.
    Estado de emergência
    Já a Coordenadoria de Estado de Defesa Civil de Minas Gerais publicou nesta sexta-feira (23) um decreto de emergência, que considera também localidades onde o serviço de abastecimento de água é autônomo. O decreto aponta que 11 municípios sulmineiros estão em estado de alerta, 14 enfrentam racionamento e um já adotou o sistema de rodízio.

    O Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) deve apresentar na próxima semana uma análise da situação hídrica em Minas Gerais e pode autorizar aumento de tarifas de consumo e criação de multas.
    Confira as cidades que estão em estado de emergência, segundo a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais:
    Alerta
    Aguanil
    Campo Belo
    Cristina
    Ijaci
    Jesuânia
    Lambari
    Poços de Caldas
    Senador José Bento
    Silvianópolis
    Soledade de Minas
    Virgínia

    Racionamento
    Cambuí
    Conceição das Pedras
    Consolação
    Dom Viçoso
    Elói Mendes
    Espírito Santo do Dourado
    Luminárias
    Marmelópolis
    Ouro Fino
    Passa Quatro
    São João da Mata
    São Sebastião da Bela Vista
    São Sebastião do Rio Verde
    Seritinga

    Rodízio
    Carmo de Minas
    A Polícia Civil durante diligências simultâneas na cidade de Cristais, também logrou êxito em apreender um veiculo Chevrolet/Cruze, clonado. O veículo foi roubado no estado de São Paulo o qual circulava normalmente através de acessórios característicos de identificação, tais como placas.
    O condutor do veículo foi conduzido à delegacia para providências legais.

    Após dois anos de busca de recursos juntamente aos Governos Federal e Estadual e trabalho árduo, tanto em reuniões, como na construção civil, Guapé começa a colher frutos do esforço de seus representantes na Prefeitura Municipal.

    O ano de 2015 será reconhecido como o ano de afirmação do progresso que Guapé vem vivenciando. O ano será lembrado por muitos guapeenses, como o “Ano das inaugurações”. Pelo menos quatro grandes obras serão inauguradas brevemente.

    Todos essas inaugurações estão ligadas diretamente a pontos cruciais para o bem estar e desenvolvimento do município: Saúde e Educação. As obras que serão inauguradas estão localizadas em dois pontos da cidade, nos bairros da “Sapolândia” e “Aeroporto”.

    No Bairro da Sapolândia, será inaugurado uma UBS (Unidade Básica de Saúde), facilitando consideravelmente os atendimentos médicos para a população residente do bairro. Já no “Aeroporto”, três grandes obras chamam atenção dos moradores próximos.

    Começado por mais uma UBS, local que como na “Sapolândia”, serão feitos atendimentos básicos e gratuitos em Pediatria, Ginecologia, Clínica Geral, Enfermagem e Odontologia. Os principais serviços oferecidos pelas UBS são consultas médicas, inalações, injeções, curativos, vacinas, coleta de exames laboratoriais, tratamento odontológico, encaminhamentos para especialidades e fornecimento de medicação básica.

    Outra novidade para os guapeenses, será a inauguração da Farmácia de Minas. Local onde atenderá o programa que visa garantir o acesso a medicamentos para Atenção Primária por meio da estruturação da Rede Estadual de Assistência Farmacêutica no SUS.

    Finalmente, a educação de Guapé ganhará um novo espaço condizente com a atenção e carinho pelas crianças do município: Creche Proinfância. O objetivo da escola de educação infantil Proinfância é garantir o acesso de crianças a creches e escolas de educação infantil da rede pública.

    Todos estes locais (UBS Sapolândia, UBS Aeroporto, Creche Proinfância e Farmácia de Minas) receberão mobiliário e equipamentos novos, para melhor atender a população guapeense.


    Outras obras


    Além das obras citadas acima, o município de Guapé conta outras que estão bem encaminhadas e serão inauguradas ainda este ano. São três obras (Duas na zona rural e outra na zona urbana) que trarão benefícios a três setores diferentes: Emprego, Meio Ambiente e Esportes.

    Na comunidade de Aparecida do Sul, está sendo construído um Galpão Industrial que abrigará uma fábrica de costura, que consequentemente será um gerador de empregos para várias pessoas da comunidade e sua região.

    Já na comunidade de Santo Antônio das Posses terá um novo espaço para a realização de atividades esportivas e culturais. A Prefeitura Municipal de Guapé, está construindo um ginásio poliesportivo coberto na comunidade.

    E na zona urbana, especificamente no Bosque Municipal, está sendo finalizada a construção da nova sede do CODEMA. A obra consiste em duas salas, hall, recepção, 02 banheiros e copa. Ao lado da sede do CODEMA foi construído um auditório com capacidade para cerca de 100 pessoas, que poderá ser utilizado para palestras, reuniões entre outros eventos. Além destas obras, a revitalização do Bosque Municipal, com construção de área para prática esportiva e lazer, está com as obras em dia.

    Creche Proinfância


    UBS Aeroporto


    UBS Sapolândia


    Farmácia de Minas

    Ginásio Poliesportivo (Santo Antônio das Posses)

     Galpão Industrial (Aparecida do Sul)


    Sede do CODEMA

    A falta de segurança no trecho da Represa de Furnas que passa por Boa Esperança (MG) tem preocupado os banhistas. Há duas semanas, uma moto Turistas reclamam da falta de fiscalização e de salva-vidas na represa.
    Segundo prefeitura, guardas ambientais estão em treinamento na cidadeatropelou uma pessoa no local, conhecido como "Prainha". Depois
    acidente, boias foram instaladas na área para separar as embarcações dos demais turistas. Mesmo assim, os frequentadores da represa enfrentam situações de risco.
    "As motos aquáticas passam onde os banhistas estão e eles abusam. Passam pertinho da gente e tem que ficar puxando a molecada", conta o pintor automotivo Fábio Misael.
    Além de não ter fiscalização, a "Prainha" também não conta com salva-vidas, policiais ou bombeiros. E, segundo a prefeitura, a situação deve demorar para ser resolvida, mesmo com a represa registrando um aumento de 50% no número de frequentadores nesta época do ano.
    Por meio da Secretaria de Governo, a Prefeitura de Boa Esperança informou que foi surpreendida pelo número de visitantes na represa e que está treinando uma equipe da Guarda Ambiental. A expectativa é de que guardas estarão trabalhando na segurança dos turistas e na limpeza da área dentro de uma semana.
    A prefeitura ainda disse que pretende instalar uma base do Corpo de Bombeiros na cidade. Segundo o Corpo de Bombeiros, até o momento, uma equipe deve ficar no local apenas durante o período de carnaval.
    Foi comunicado através da rede social da Prefeitura Municipal de Campo Belo, que o Prefeito Túlio Miguel dará uma pequena pausa em seus trabalhos, tirando férias de 14 dias. Ficando o vice-prefeito Richard Miranda Resende no comando da Prefeitura por este período.
    Ainda de acordo com este comunicado, Túlio Miguel listou na tarde desta última quinta-feira, dia 15, juntamente com sua assessoria de imprensa, mais de 50 obras que estão sendo realizadas simultaneamente, e quando voltar lançará mais um grande pacote de obras, além destas mais de 50 que estão em fase de conclusão. Richard Miranda dá sua grande contribuição, assumindo interinamente a prefeitura durante estes 14 dias.